Negão gozando na boca da Loira

visualizações

5 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , ,

Negão gozando na boca da Loira

Negão gozando na boca da Loira

Certo dia vendo na internet alguns sites de casais, homens que faziam questão de mostrar a mulher, comecei a tirar fotos dela, depois coloquei num site, logo logo comecei a receber mensagens, dizendo que ela era gostosa, que queria come-la e etc, passei a comprar calcinhas pra ela, ela logo notou e dizia que eu era doido, um dia disse que um casal queria sair conosco que o cara era mais velho como ela gosta, sei que ficou com tesão pois fez amor como nunca, aquilo foi o sinal verde que nos encontrarmos, marquei pra conhecer o amigo, fomos a um barzinho, o cara muito legal e todo em forma disse que já tinha saido com alguns casais, que sua mulher as vezes ia, gostei da conversa e convidei para irmos no final de semana para nosso sitio, assim foi, ele a esposa, a minha esposa tinha se depilado todinha, no inicio foi meio frio, então eu disse que iria ver o sitio que ficassem a vontade, ela colocou umas cervejas pra gelar e assim fiz, demorei uma hora só pra ver o que poderia acontecer, voltei pra casa e vi que estavam bem animados, quando entrei a minha esposa e a dele estavam sem sutiã, só de calcinha minha esposa tinha ido a geladeira pegar mais cerveja na volta vi que estava só de fio-dental e sandalias, e nossa amigo só de cuecas, ela me deu um beijinho serviu cerveja pra todos e sentou no colo de nosso amigo, que passou a beija-la e pegar no seus seios, me deu um tesão louco, acho que ficaram mais desinibidos quando me viram, pois a esposa dele começou a mamar nos seus da minha mulher, me esposa se levantou piscou o olho pra mim e mostrou o pau do amigo que realmente era bem desenvolvido, minha esposa foi no quarto rapidinho com o oleo na mão, passou na sua xoxota, ele deu uma camisinha pra ela, ela colocou no pau dele, passou o oleo no seu pau e foi sentando no seu pau de costa pra ele e de frente pra mim, foi encaixando seu pau até entrar todinho, depois ficou subindo e descendo eu tava punhetando enquanto a mulher dele ajudava a Sofia a fuder seu marido, não demorou e ela começou a gritar, dizendo que tava gostoso e tava gozando, gozou ficou com as pernas bambas, sai de cima dele a esposa, tirou a camisinha e sentou em cima de seu pau, gozou também e o cara nada, dai ele chamou as duas, ficou pegando nas xoxotas delas e elas punhetando ele até ele começar a chamar as duas de putas de gostosas e gozou lambuzando a cara das duas, descansaram, eu ja tinha gozado, foram pro banho os 3, voltaram de toalhas, Sofia colocou uma calcinha a esposa dele também, ele de cueca e assim foi o restante do dia, nos despedimos e marcamos outro dia. Não demorou muito, quando tentei forçar o terceiro dedo, e Luiz tirou a rola pra fora daquele cu aloirado e gozou litros em cima de mim.

Eu te falei: agora quem vai gozar é o negão, porque to sentindo esta bucenta muito gostosa engolindo meu pau, vc: então goza negão porque já tá me fazendo gozar novamenteeeee!!! goza negão você vai gozar na buceta que vc tanto desejou e eu to aqui gozaanddoooo novamenteeeee!!!!! Eu gozei gemendo, uranno e ouvindo seus gemidos e gritos de gozosss, me chamando de safado e eu te falava: vamos sua putinha safadinha que gosta de uma pica e sabe o que é uma boa sacanagem!! gozamos loucamente, gritadamente, selvagemente,doidamente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! VOCÊ É FODA SAFADINHA!!!!!!!!!!!!!!!! ME DEIXA DOIDÃO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!– Tá gostoso Marina?Fala sua safada!Fala que você está gostando,vai manda o meu maridinho me mostrar que você deixa ele com mais tesão do que eu! – Opa opa opa…era um desafio,pisquei para ela levantei da mesa, virei toda a cena eu com os peitos pra fora sem pudor algum,encostei ele de na parede dancei pra ele colada em seu corpo sentia o pau dele duro roçando em minha bunda, esse tesão inexplicável me transformou na puta que eles tanto procuraram em mim,e já que ela estava ali invocada por pedidos dela e dele resolvi me comportar como uma! Caí de joelhos, e chupei aquele pau de respeito como se fosse o último boquete da minha vida,deixei ele todo melado em varias lambidas, cuspi na cabeça, engoli até engasgar, e fiz de novo até não engasgar mais, sentia as mãos dele me forçando ao seu encontro,enrolando meu cabelo em seus dedos,e sendo chamada de sua putinha,que era assim que ele gostava bem obediente e sacana e cada vez que ele falava comigo eu buscava seu olhar, e nada mais delicioso do que encarar um homem que te excita no boquete,a Clara assistindo tudo se masturbando e soltando todas as putarias imagináveis:Marta, Deitada, na cama onde fora estuprada de forma tão selvagem pelos tarados sádicos, muito lentamente, estava saindo do estado de torpor e passou a chorar em desespero total.